quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

A casa da primitiva Quinta da Cerca em Chão de Couce

A minha avó Maria da Luz que viveu na aldeia de Moita Redonda falava muito nas senhoras da Quinta da Cerca
  • Nada sei sobre a Quinta da Cerca e das ditas senhoras, mas gostaria.
O que resta da casa solarenga -, ruínas, ando há anos para fotografar, sobretudo a chaminé, umas das minhas predileções é fotografar chaminés . 
A sede da Comarca das Cinco Vilas, vista do céu,  em frente das ruínas da Casa da câmara, de Chão de Couce.

Aconteceu agora que indo no caminho com tempo e na mala a máquina , parei e...
Perfil da casa da Quinta da Cerca virada a poente
 
Pormenor da guarita com grades
Chaminé da Casa de traça elegante e grandiosa
 
Outro pormenor da chaminé, vista de lado poente
 
Outra vista da casa
Ombreira do portão de entrada. Muito simples, possivelmente alterado quando foi feita a estrada que cortou a Quinta de Cima e esta Quinta da Cerca em direcção à serra do Mouro e ligação à vila.
 
A casa foi deitada abaixo por força do desenvolvimento-, alargamento do antigo caminho dos Loureiros ,para o Furadouro, com entroncamento na estrada para  a Serra do Mouro.
Quanto a mim foi uma pena não apostarem no restauro, era enigmática de beleza incomum, apesar de simples, mesmo em ruínas falava numa terra arquitectónica, das mais belas do concelho, onde desponta romantismo -, a cores quentes no outono com outeiros cobertos de folhas escarlate...
Fica o testemunho!
2015 o espaço limpo encontra-se à venda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Arquivo do blog