quinta-feira, 26 de junho de 2014

Um olhar ao lusco fusco por Almada para ver o jogo da seleção.

Um olhar ao lusco fusco por Almada para ver o jogo da seleção.

Recinto do parque urbano de relvado aparado, ecrã com deficiências má imagem, pouca gente, apesar da organização ter mais de 30 barris de cerveja, sendo a afluência fraca, e sem calor, no tempo que lá estive só vi um a se esgotar!
 Restou-me dar azo ao fascínio de me deixar fotografar...

Decidi deixar o espaço por gente ao ar livre desfrutar do seu cigarro-, cheiro que abomino, assim de saída desfraldada , apesar do meu grito do golo nos primeiros minutos.
Nas ruas nada de gente, nem carros com esplanadas armadas de plasmas, sentados nas cadeiras "gatos pingados" e nas casas de r/c a televisão estava noutro canal.
Ora o patriotismo pela nossa seleção já conheceu melhores dias.
Não resisti a registar a minúscula bandeira hasteada num pilar que outrora serviu de viaduto para o caneiro da água na parte velha de Almada...
Na manhã seguinte acordei com forte chuvada, parecia inverno

Mau apanágio do tempo neste verão o mesmo para a nossa seleção-, que todos já lhe sentiram melhores dias, seja das lesões e maus resultados.
Acalmem,  nem me passa pela cabeça cair  no sofisma de  falar como treinadora de bancada.
Será que hoje somos surpreendidos por razões várias, com a loucura da sorte grande, e  com isso a passagem aos oitavos de final???
Vamos contar com isso!
Força Portugal!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Arquivo do blog