sábado, 12 de julho de 2014

Costa de Caparica a praia do sol está a mudar para melhor!

Ontem sexta feira o meu dia inaugural na praia -, Costa de Caparica.Conotada no passado como a PRAIA DO SOL. Na via rápida um transito descomunal de camionetas com crianças vindas de todas as bandas, de norte e de sul.
Apreciei a reposição de areal prevista no Programa Polis num período de sete anos, tendo o projeto acabado e sem verbas se interrompeu. Neste agora apenas uma draga a laborar, significativa a perda de tempo perdida coisa de duas horas no permeio de encher e descarregar...Com duas seria sempre a aviar!
Barcos em terra com calmaria no mar, dizem os entendidos que a sardinha já não é o que foi aqui na Costa.
Os amigos do basquetebol de praia, nunca falham o seu jogo esteja bom ou mau tempo!
Mais uns milhares em gastos com a draga de tecnologia holandesa (?) os melhores nestas coisas de mares. Potentes motores sugam areias no horizonte, na rota dos navios, para depois os motores trabalharem ao contrário e a empurrarem para o areal com bastante água para não fazer rolão- , e assim encher a praia de novo com grande e bom areal, mas de durabilidade precária, o mesmo no Algarve, Huelba e (?).
Dizia um homem "se o mar se lembrar de abrir de novo ao fundo da Fonte da Telha em direção da Costa como o foi no antigamente com uma extensa laguna dunal que até lhe chamavam ilha que ia até ao Bugio entre a arriba fóssil e o mar"... 
Devia-se investir em soluções de futuro e não de apenas de meses.Porque o que é do mar , mais cedo ou mais tarde, vai reclamar!
Hoje de manhã deixaram praticamente pronta a praia dos pescadores, pela tarde trabalho em terminús para fazer rampa para as máquinas passarem para a praia na frente do Barbas, que de manhã se mostrava com areia e de tarde  em maré alta assim...Este paredão do lado sul apresenta um buraco, além de outros pequenos, cujas pedras se encontram ao longo da praia e se as marés vivas se mostrarem grandes a partir de setembro vai para o galheiro...
Um mar de pedra ao Deus dará pelo areal!
Ontem colocaram aparelhos de ginástica, mas alguns tem falta de óleo.O da bicicleta e o outro descubram!
O pescador no meio das rochas apanhou um grande polvo que enfiou num saco de pano com fecho
Espreitei a loja de velharias para alegrar as vistas, comprei as duas terrinas...

Comprei a minha bola de Berlim...Pois sei as calorias, mas as carências ditaram que a queria comer e por via disso senti-me indisposta, nem almocei...
A miudagem do surf no aquecimento antes de se meterem na água
Bandeira azul e água limpa, limpissíma. Água fria a bater 15 º ligeira brisa e calor.
Caminhadas com muita gente de idade, dei de caras com um homem baixo que caminhava ao lado de outro, parecia a sorte grande e a aproximação - , arcado de braços e pernas, vestido de biquíni preto e colchões pendidos, um sino a bater, que me pareceu uma perdiz depenada...
E o tarzan da Costa, morenaço igualmente de biquíni , musculado e tatuado em exibição no areal, o enchumaço já lhe reti maior olhar, hoje se mostrava chupado (?) deve ser da idade, cabelos compridos a secar ao estilo delambido de engatatão, barbicha grisalha, armado de argolas a oiro, ao passar por ele, só de o ouvir falar trapassei...
Esbarrei numa mulher que do soutien de rendas azul com mais de 20 anos o usava a fazer de biquíni...
O mesmo por ver tanto corpo branco, celulítico, onde a minha silhueta se junta infelizmente...
Mas ver em miúdas novas até doí.O mesmo de nádegas basculantes em vaivém que baralha o olhar...Outros tortos, de muletas, bengalas, quiçá alguns de sintoma de esquizofrénico.
No melhor crianças sem saber ainda andar a chapinhar nas poças de água, a querer nadar...Outra vi a carregar um balde com água, que a mãe atenta ia despejando, e ela cansadita se alivia do peso sendo prática mudou a asa da mão para o cotovelo para melhor carrego. Admirável raciocínio.
Um paparazi armado de potente máquina tirava fotos a um modelo masculino vestido de fato em cor de serrubeco, com grande gola à moda da capa mirandesa, de pés descalço, pele bronzeada de brilhos se mostrava no peito magro, com Piz Buin, em pose de comando a olhar o mar qual D. Henrique sendo que as tiras que neste saem do grande chapéu, aqui as vi por detrás da imensa gola em jeito de pendentes compridos, que uma menina atrás dele vestida em transparências brancas com fato de banho preto, pegava nelas e as largava, para no esvoaçar o fotografo captar a imagem que um dia destes sai em revista.

                                                                     A bola verde que me alegrou a pensar no meu Sporting.
Trouxe uma concha partida ao meio, nela deslindei um coração...E uma pedra com um buraquinho...
Trabalho para encastrar numa parede com caquinhos de faiança um dia destes.
Finalmente alteraram o local da Feira do Artesanato. Novo espaço na frente da praia no tabuado que não servia para nada, há uns três anos que o tinha alvitrado -, podia ter sido até coincidência, na certeza porém muita critica construtiva, que vou escrevendo por aqui sobre as terras que visito, mais cedo ou mais tarde constato em consolo, resolvidas.Mas ainda a poente espaço para bancas de velharias tal como noutras prais que estão abertas até há meia noite.
Boa comida na frente do mar e na zona comercial com a tenda até setembro
Votei hoje à Costa e teimei aqui almoçar umas sardinhas.
Uma excelente iniciativa de um particular com o apoio da Junta de Freguesia da Costa de Caparica.
Tem de haver mais publicidade e estacionamentos.
Estão a cortar palmeiras na entrada não sei se pela maleita ou por outra causa.
A entrada tanto do lado do cemitério como do outro há muito abandono e sendo entrada -, Sala de Visitas, merecia outro enquadramento.
Nota-se mais limpeza e arranjos e substituições nas calçadas.Na sexta vi uma palmeira na frontaria do hotel seca, no sábado partida pelo meio porque estava podre, hoje domingo tinha sido removida na noite anterior. 
Excelência para a limpeza urbana. 
A Costa de Caparica está a melhorar a olhos vistos desde que mudou o Presidente da Junta de Freguesia, por isso está de parabéns pelas iniciativas positivas que se sentem a cada dia.
Que venham ainda mais!

Espera porra! o slogan das camisolas dos empregados...
Bom almoço, muita simpatia ainda nos tiraram a foto
No jardim em jeito de redil comiam os miúdos dos escuteiros
Falei com um espanhol de Badajoz que me confidenciou que amigos estão a comprar apartamentos na Costa, os preferem ao Algarve, pela água mais limpa, apesar de mais fria, boa comida, bom vinho, a um pulo de Lisboa e a duas horas de caminho, sendo que Huelva fica a três e meia, com gente que não lhes interessa...
Ora boas notícias para a Costa de Caparica!
Bela casa há venda com belos painéis de azulejos.

Quando estacionei numa vivenda abandonada andavam imensos gatos e gatinhos, de tarde só vi este a dormir...
No Museu da Cidade de Almada, um acampamento na praia


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Arquivo do blog